Fuja do barato que sai caro: os riscos de tentar consertar o carro sozinho


Nosso veículo é nosso melhor amigo, companheiro inseparável, pelo menos enquanto funciona bem! Na correria do dia a dia, qualquer problema mecânico que o carro apresente pode se tornar uma verdadeira dor de cabeça e ainda custar bastante caro. Milhares de pessoas dependem do veículo para trabalhar e não podem sequer cogitar a hipótese de ficar sem ele por muito tempo. O que fazer?

Em primeiro lugar, é importante lembrar que alguns problemas mecânicos simplesmente não podem esperar, seja pelo fato de que o estrago, já preocupante, pode se tornar ainda mais grave, seja pelo risco de ficar parado na rua ou em uma rodovia, no meio do nada, a qualquer hora do dia ou da noite. Até o mais negligente motorista sabe identificar quando o veículo está pedindo socorro e tem noção de todos os riscos em continuar forçando-o a funcionar nessa situação.

É certo que a medida mais sensata é levá-lo imediatamente a um mecânico de confiança para, ao menos, diagnosticar o problema. No entanto, muitas pessoas ainda preferem contar com a sorte (e, talvez, com a ajuda da internet) e optam por tentar consertar o problema do carro por conta própria. Antigamente era bastante comum que os proprietários tivessem amplos conhecimentos da mecânica dos próprios veículos e tivessem verdadeiras oficinas dentro de suas próprias garagens.

No entanto, a complexidade mecânica dos automóveis de hoje não pode ser comparada aos de antigamente. Além disso, a intensificação da divisão social do trabalho exige que pessoas dediquem-se cada vez menos a estes tipos de atividade (conserto da casa, jardinagem e conserto do carro) e acabem por não ter uma boa noção de como proceder diante de um problema. Nisso, nada de mal há. É apenas uma mudança que traz um alerta: consertar o próprio carro pode ser um risco real.

Deixe o seu carro em boas mãos, mesmo que isso não signifique nas suas

Reparos no veículo devem ser deixados por conta de profissionais. Bons mecânicos não dedicam toda a sua carreira estudando e se especializando no assunto sem ter um bom motivo. O seu conhecimento é indiscutível e certamente sai mais barato confiar nele e deixar que resolva o problema, ainda que doa no bolso. Além disso, alguns reparos são perigosos de se fazer e só quem já é habituado a tomar as devidas medidas de segurança deve se aventurar a isso. Consertar o carro, muitas vezes envolve levantá-lo do chão, entrar em contato com terminais elétricos, assim como máquinas e ferramentas pesadas e de difícil manuseio.

Ainda que você se informe do que deve ser feito, o seu conhecimento de pesquisas não é o suficiente, comparado ao treinamento e experiência de um bom mecânico e ainda que você se considere entendido do assunto, pode conseguir começar o trabalho e não saber como terminá-lo ou sequer remontar as peças para finalmente levar o veículo ao mecânico.

Se quer economizar, comece cuidando do seu veículo no dia a dia, seguindo as recomendações do fabricante e, caso apresente algum problema, obtenha orçamentos com antecedência e escolha a oficina que lhe oferece os melhores produtos e serviços a um preço razoável. O barato pode sair muito caro no que diz respeito a conserto automotivo. Portanto, evite se arriscar!



  • ONDE ESTAMOS
    LOCALIZAÇÃO
    Av. Max Schramm 3325, Estreito, Florianópolis/SC
    Pontos de referência:
    • Próximo à escola da Marinha.
    • Em frente ao supermercado Angeloni do Estreito.
    Atendimento ao público
    Segunda à sexta-feira: das 07h45 às 18h00
    Sábados: das 07h45 às 13h00.
    Não fechamos para o almoço.
    (48) 3240 4900